Insígnia: A arma secreta. Escrito por S.J. Kincaid, o livro de ficção científica conta a história de um talentoso jogador de videogame em uma eletrizante viagem ao futuro onde Exércitos de vários países combatem a Terceira Guerra Mundial numa aventura intergaláctica, revelando uma nova era na qual as fronteiras entre humanos e máquinas não podem ser distinguidas. Este é o primeiro volume de uma trilogia cujos direitos de filmagem já foram adquiridos pela Twentieth Century Fox. Os próximos volumes da série serão lançados, no Brasil, em 2014.

DSCN1286

Sinopse: Considerado um fracassado por todos, com uma aparência pouco digna de atenção e uma vida cheia de incertezas, Tom Raines é um garoto de 14 anos que possui apenas uma habilidade – jogar videogame. Durante anos perambulou de cassino em cassino com seu pai, um jogador sem sorte, que fazia de seu vício um meio de sobrevivência e, a cada dia, iniciava uma jornada em busca de um “lar”, mesmo que isso significasse um quarto qualquer pago com um pouco de dinheiro ganho em apostas. Certo dia, ao ter seus combates virtuais monitorados por um general, Tom é convidado para integrar a elite do Exército e usar seu talento para ajudar o seu país a vencer a Terceira Guerra Mundial. Neste combate, os oponentes são empresas multinacionais e não há vítimas humanas. Sediada no sistema solar, a disputa principal é o controle sobre os direitos de mineração e recursos naturais em extinção. Os combatentes são, na verdade, máquinas controladas pela força da mente dos adolescentes, através de dispositivos implantados em seu cérebro. Tom então percebe que essa será a oportunidade de tornar-se alguém importante e conquistar sucesso, amigos e um amor de verdade. Emocionante, divertido e imprevisível, o livro envolve o leitor da primeira à última página.

Insignia me prendeu logo no começo me mostrando a dura realidade de Tom sem amigos e endereço fixo e me apresentando sua linda Terceira Guerra Mundial, mas Tom não faz parte dela. (ou faz?). Tom toda hora lida com um assunto diferente o que acaba deixando o livro mais e mais interessante na medida que você vai lendo a necessidade de saber como aquilo vai acabar e ver o livro ser fechado em cada assunto até o final é impressionante e monstra como a autora soube trabalhar bem em seu universo.

Os personagens são dos mais diferentes tipos, isso destacando sua: nacionalidade, cor, crença e ideais, fazendo assim algo muito difícil que é saber destacar a personalidade de cada um o que a autora consegue fazer e muito bem considerando a quantidade de personagens. Tom é o magrelo espinhento; Heather linda e perigosa; Wyatt a super inteligente, Elliot o bonitão e por ai vai e cada te chama à atenção com sua própria personalidade e muito mais.

DSCN1291

A escrita é a de melhor compreensão possível, o livro conta com algumas características próprias de linguagem relacionada a historia, mas a mesma e de fácil compreensão, até porque ela é explicada para não deixar duvidas. Basicamente o livro não tem nenhum ponto negativo, só acho que no final dele e apresentada a Capa do próximo livro da Saga que apesar de estar em inglês poderia muito bem estar colorida em vez de preto e branco, e por falar nisso o nome do próximo livro em inglês é Vortex e eu não tenho previsão nenhuma do lançamento do próximo livro no Brasil e nem qual será o seu titulo, pois o titulo de Insígnia: A arma secreta em inglês é Insignia. Então obviamente teremos um subtítulo também.

Mas a verdade é a seguinte sobre Insígnia: não leia com obrigações a cumprir pois ele vai te prender de tal forma que será triste quando você ler a ultima linha, porque você vai querer mais.

DSCN1294

A autora S.J. Kincaid nasceu na Alabama, cresceu na Califórnia (EUA) e estudou nas Universidades de Illinois e Ohio. Queria ser astronauta, mas decidiu se tornar escritora em tempo integral. Insígnia é seu primeiro romance.

Confiram o Book Trailer